sexta-feira

De passagem pelo Principado de Mônaco-Monte Carlo.

Caminhando pelas ruas de Mônaco.
Entramos em Mônaco apenas de passagem, pois estávamos vindo de Santa Margarida Ligur na Itália e seguindo viagem para Nice na França. Tivemos apenas umas quatro horas para conhecer um pouquinho deste maravilhoso e belíssimo Principado!!!!!!
Monte Carlo - Capital do Principado de Mônaco.
O principado de Mônaco é o segundo menor país da Europa (perdendo apenas para o Vaticano), mas comparando sua beleza com outros países de maiores dimensões, não deixa nada a desejar!!! Margeado pelo Mar Mediterrâneo, é um dos lugares mais belos da Europa e fica situado no sul da França. Isso mesmo, Mônaco está situado numa região "dentro" da França, mas é completamente independente dela.
Pôr do sol rosado.
É considerado como um dos lugares mais chiques e glamourosos de toda a Europa, principalmente pelas  corridas de Fórmula 1, por seus cassinos, por seus hotéis luxuosos e por sua realeza. Quem nunca ouviu falar da princesa Stéphanie de Mônaco???? 
O principado tem menos de 2km² de extensão.
Frente do hotel mais caro de Mônaco: Hotel de Paris.
Ficamos surpresos em saber que o minúsculo país tem um pouco menos de 2 quilômetros quadrados, mas tem uma economia forte, baseada principalmente no turismo e no setor imobiliário. Na verdade, só pessoas ricas podem morar lá, pois é tudo muito caro.

Cassino Monte Carlo.
Como tínhamos quatro horas e o país era bem pequeno, resolvemos caminhar. Passamos por Mônaco Ville (bairro onde está o palácio real), pelo bairro Condamine e pelas ruas onde se disputa a corrida de Fórmula 1. Passamos pelo túnel antes da entrada dos boxes, vimos os iates luxuosos de até três andares ancorados na imensa marina que há por lá.
Frente do cassino.
Pena que era inverno e escurecia cedo. Depois do pôr do sol o frio era intenso por causa da umidade que vinha do mar. Continuamos passeando um pouco mais, fizemos um lanche rápido pra ganhar tempo e resolvemos voltar pro lugar que achamos mais bonito, Monte Carlo (a capital), pois era onde se concentravam os hotéis mais luxuosos e o cassino Monte Carlo.
Rotatória do Cassino Monte Carlo.
Resolvemos entrar no cassino e descobrimos que os moradores não podem frequentá-lo e que para termos acesso ao local das apostas de pôker, roleta, blackjack, etc., teríamos que pagar uma quantia e mostrar os passaportes. Mas para os caça níqueis (que ficam numa sala em separado) não era preciso nada disso, só cartão de credito ou dinheiro vivo. Resolvemos apostar 5 euros cada um nos caça níqueis. Perdemos tudo em apenas 5 minutos. He he he. Mas valeu a experiência de apostar, mesmo que uma quantia para eles tão irrisória, no tão famoso CASSINO MONTE CARLO.
Hotel de Paris.
Descobrimos que foi em uma das janelas deste hotel que Michael Jackson quase deixou seu filho cair quando resolveu exibí-lo aos jornalistas que estavam de plantão na praça em frente ao mesmo.
Vários Rolls Royces estacionados esperando seus donos enquanto apostam no cassino.
O idioma oficial é o francês, mas dá pra se virar muito bem com o inglês. Conversando com a atendente do local em que lanchamos (uma imigrante ou moradora em algum povoado francês na fronteira, talvez), descobrimos que há menos de 40 mil moradores no país, e que desses 40 mil a maioria da população é flutuante, pois possuem casas de veraneio.
 Ficamos sabendo também que é obrigatório morar por pelo menos 3 meses por ano em Mônaco para se ter uma casa lá e que Michael Schumacher (piloto de fórmula 1) foi "convidado" a vender sua propriedade lá por não respeitar esse acordo. Será verdade?????
Quando a noite cai, as luzes embelezam ainda mais a cidade.Ficamos mais um pouco passeando por lá, visitando umas lojinhas de souvenirs carísimas (comprei apenas um cartão postal, pois os preços eram realmente abusivos) até dar o horário de seguir viagem para Nice na França.

Última foto de Mônaco - tirada de dentro do ônibus.
Valeu muito a experiência. Como gostamos de assistir às corridas de F1, toda vez que o Grand Prix de Mônaco é transmitido pela televisão, nos lembramos daquela tarde fria, mas gostasosa que passamos lá.

3 comentários:

  1. Legal este relato, gostei bastante.

    ResponderExcluir
  2. Vou estar em Mônaco no proximo ano...e pretendo aproveitar as dicas que li aqui...obrigada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que você gostou, Clau!!! Quando voltar, divida suas experiências com a gente!!!

      Excluir

ESTE ESPAÇO É SEU. SINTA-SE À VONTADE!!! COMENTE, PERGUNTE, CRITIQUE, PARTICIPE!!!